domingo, 29 de janeiro de 2012

Edir Macedo fala se masturbação é ou não pecado


Com base em uma opinião médica, o bispo Edir Macedo respondeu a uma dúvida de um adolescente sobre masturbação e afirmou que “o ato em si não é pecado”, mas ponderou dizendo que o pecado está no pensamento que motiva a masturbação.
A dúvida do adolescente foi postada no site Arca Universal e a resposta do líder da Igreja Universal do Reino de Deus veio acompanhada de uma assessoria médica.
“Pedi à médica Eunice Higuchi que desse um parecer científico sobre o assunto. Ela retornou dizendo: ‘Bispo, a masturbação, é entendida como uma prática normal na infância, adolescência, fase adulta e velhice’”, afirma o bispo, que complementa: “Espiritualmente, a masturbação é uma inclinação carnal. O ato em si não é pecado. Mas, sim, o motivo pelo qual é feito. Ou seja, o pensamento que o motiva”.
Edir Macedo ainda estende sua opinião dizendo que “conciliar a boa consciência cristã e tal prática é impossível. Paulo ensina: É melhor casar do que viver abrasado”.
Para o bispo, aqueles que não reúnem condições de casamento deveriam procurar satisfazer suas necessidades através da masturbação: “Mas, e os abrasados impedidos de casar? Acredito que a masturbação seria a saída mais segura. Isso se não houver intenção impura no coração. Mateus 5.28”, conclui, usando como atenuante o texto bíblico do Novo Testamento: “Mas eu lhes digo: qualquer que olhar para uma mulher para desejá-la, já cometeu adultério com ela no seu coração”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário